Lamentável

Oi pessoal,

Ontem teve um caso terrível no Paraná. Pensei muito se ia escrever muito sobre isso ou não.
Sinceramente, não consigo deixar esse acontecimento quieto, pois acho que é preciso discutir sobre isso, é preciso que todo mundo fique sabendo disso que coloque a mão na consciência e pensamos sobre.
Professores estaduais do estado do Paraná (inclusive os meus) estão em greve pois os deputados estão votando uma lei que tira parte do dinheiro da previdência dos professores, logo eles terão um prejuízo e não receberão nada novamente comprometendo aposentadoria dos professores.
Eles foram acompanhar a votação e protestar e encontraram cerca de 3000 policiais, foram atacados pelos policiais, ou pelo menos foram atingidos por balas de borracha, gás e até mesmo com cães. Mais de 200 professores tiveram que ser socorridos com ferimentos. E dai a pergunta é: Estamos em democracia? Que democracia? Não coloco culpa em partido, mas sim em pessoas, acho que cada um é cada um e não podemos generalizar. Temos que ficar de olhos abertos e não votar em quem ta fazendo essas coisas, professores lutando por seus direitos e sendo tratados pior que bandidos.
Fico chocada como protegem um cara que é traficante de drogas e entrou em um país sabendo que a lei do país era execução, corre o risco e é protegido pelos governantes (pela maioria pelo menos) enquanto isso professores são vítimas de agressão por lutarem por seus direitos, por melhor condições de trabalho e por ai e ninguém fala nada, nenhum político se preocupa com isso. E o pior? Mídia falando que professores foram para cima dos policiais. Por que fariam isso? E outra, eles não tinha armas em suas mãos, no máximo cartazes, que mal iam fazer?
Está na hora de repensarmos. Tudo que o pais mais precisa é educação e fazemos isso com os professores? Eles não merecem. Merecem respeito, apoio. Eles ajudam tanto no futuro do país e ninguém quer ver.
Estou no último ano de faculdade, louca para acabar, com a segunda greve do ano, mas apoio, acho que estão certo, acho que eles tem que continuar lutando, continuar batalhando.





I wish over the knee

Oi pessoal,

Quando eu era menininha minha mãe tinha guardada uma bota over the knee vermelha! (LINDA) Eu colocava no pé e desfilava com ela pra cima e pra baixo, mas meu pé não cresceu o suficiente para usar aquela bota.
Alguns anos venho procurando uma que sirva na minha perna (perna grossa é dificil com essas botas) até que esse ano tava vendo a coleção MARA da Raphaella Booz e achei uma que estou apaixonada, louca, pirada! NECESSITO desta bota.
O pior? Não acho ela nas lojas da Raphaella da minha cidade, "Por favor gente, tenham ela na sua loja, beijos"




É muito amor por uma bota só.
Vocês gostam? 

Por que colocar coleira no seu gato?

Miau, Miau,

Estou com a mamãe desde que sou bem novinho, já fazem dois anos. (um tempão né?)
Quando era pequenininho minha mamãe colocou uma coleira em mim, já tive várias, porque as vezes eu arrebento ou então a mamãe perde.
É muito importante ter uma coleira, porque dai quando vamos para rua dar aquela voltinha que ninguém nos segura nós temos como alguém achar a gente e levar de novo para nossa casinha.
Tem muita gente que diz que não nos acostumamos com isso, mas é mentira viu? Nós nos acostumamos sim, é só colocar quando somos pequenininhos. Mas se vamos para algum terreno é bom ficar de olho, porque é bem ali que algumas pulguinhas se escondem. 





 
Lambeijos, Mingau

Instagram: Elle Brasil

Oi pessoal,

Uma vez por semana vou colocar para vocês algum instagram que eu goste e recomendo.
O primeiro é o da Elle Brasil, eles dão dicas, mostram famosos, mostram coleções e curiosidades!
É muito legal, quem quer saber sempre por dentro de moda e de famosos em festas e até mesmo em passeios.






Siga: @ellebrasil

Viagem para EUA: parte 1

Oi pessoal,

Uns dois anos atrás resolvi que queria fazer um intercambio e aprender inglês direito, ser fluente.
Pesquisei um monte e fui atrás de várias empresas, mas achei tudo muito caro e não sabia se valeria a pena, então minha mãe me propôs para que fossemos nós duas a passeio.
Fiquei algum tempo fazendo orçamentos, vendo quando queria ir, para onde e essas coisas. Resolvi ir para um lugar que a maioria das pessoas querem ir, Orlando na Florida, e depois Miami.
Achei uma empresa que gostei muito, negociei e resolvemos ir em agosto desse ano, mas como nem tudo pode ser perfeito, minha faculdade entrou em greve no começo desse ano, as datas ficaram apertadas, mas deu certo e depois de um mês com aulas, a greve retornou, fiquei quase louca com tudo isso, então, estou adiantando minha viagem para não prejudicar meu último ano de faculdade. É muito diferente, pois nunca viajei para fora do país.
Essa falta de "conhecimento" sobre viagens me fez ir atrás de uma agência de turismo para ter a facilidade de tudo certo e para poder ficar mais tranquila caso houvesse algum problema (e já teve antes de ir com as greves, né?)
Então resolvi ajudar quem ainda não foi também. A primeira coisa que acho que precisamos saber é para onde vamos e em que datas queremos ir (para conhecer procure datas mais tranquilas, longe de ferias escolares, por exemplo), depois precisa ver se vai querer ir com alguma agência ou conta própria ( por conta própria o gasto é maior, porém com agência tem comodismos), depois é bom dar uma pesquisada em hotéis e localizações (mesmo que por agência), dai é legal também pesquisar algumas coisas, como passagens, ingressos de parques, etc. para saber mais ou menos o valor das coisas, por fim é fechar tudo isso e ir.
Depois de programar tudo fazemos aquela economia e torcemos para a data chegar logo.
Minha data está bem incerta, mas sei que daqui uns dias eu já vou estar indo pra lá, firme e forte! E dai conto para vocês mais experiências.
Daqui uns dias vou dar dicas de malas e essas coisas, e quando voltar prometo contar o que deu certo e o que não deu. Mas por enquanto, me desejem boa sorte e que minha viagem seja maravilhosa.



Sobre mim!

Oi pessoal, 

Antes de começar tudo aqui eu queria me apresentar.
Bom, tenho 22 anos, estou acabando o curso de Engenharia têxtil. Moro fora de casa a 6 anos, nesses tempo sozinha adotei um gatinho, Mingau, que é como um filho mimado. 
Estou procurando um estágio, tentando arrumar minha alimentação, perder tempo e se possível um dia morar em Londres, ou algum lugar da Europa que tenha muita moda. Aliás, pretendo fazer faculdade de moda assim que acabar engenharia.
Sou apaixonada por moda, romances, filmes e algumas séries.
Sou super comunicativa, mas um pouco tímida, se é que isso faz sentido. Espero que tenham "ido com a minha cara", e que gostem de tudo que estar por vir por aqui.