Como escolher um pet?

Oi gente,

Já falei pra vocês os benefícios de ter um animal, mas e como escolher o certo para você?

Você precisa saber o que você procuro no bichinho, pode ser, alguém que lhe trate como igual (um gato), alguém que lhe venere (um cachorro).

Espaço disponível na casa/ apartamento, o tamanho tem que ser proporcional. Não da de ter um animal enorme se sua casa é pequena, porque ele vai ficar desconfortável e não vai ter espaço para liberar sua energia e vai acabando estragando coisas da sua casa.

Saber que tem responsabilidade de tê-lo por pelo menos 15 anos, que não vai poder simplesmente jogá-lo na rua.

Acho legal saber sobre a quantidade de atenção que vai poder dá-lo e a energia que ele tem para brincar. Por exemplo, você tem um animal super ativo, precisa saber que ele vai demandar mais atenção, mais brincadeiras.

Saber o que é permitido quando mora em um condomínio é extremamente importante.

Saber o gasto que o animal vai lhe dar e se terá condições de mantê-lo. Alguns animais geram mais gastos que outros.

Outra coisa bem importante é: ODEIO gatos, então nem pense em ter um, certo?

Depois é só amá-lo e deixar com que ele te traga muitos benefícios.
E se você tem apenas algum preconceito sobre um tipo de animal, pesquise mais sobre ele, alguns animais podem ser totalmente surpreendentes, podem fazer você se apaixonar pelo tipo de animal e até mesmo amá-lo sem fim.



Por que ter um pet?

Oi gente,

Sempre falo sobre meus pets, dou dicas a respeito, mas por que ter um pet?

Podia dar mil motivos, mas os que eu acho mais relevantes e por mim os meus próprios.

1) Ele ajuda a terminar com o sedentarismo, já que precisa passear com o bichinho.

2) Quando crianças convivem com animais ganham mais anticorpos, o que os deixa com mais saúde durante sua vida.

3) Ainda nas crianças, ajudam a criar responsabilidades e cuidar de algo além deles.

4) Companhia, logo ajudam muitos donos a diminuir problemas como depressão.

5) Eles liberam endorfina, logo, aumenta assim a energia positiva da casa, deixando-a mais alegre.

6) Nos ensina a lidar com perdas importantes na vida, visto que, passam a ser parte da família.

7) Ajudam a lidar com estresse.

8) Ajudam a diminuir alergias, logo, sem desculpas sobre tenho alergia.



Minha experiência: Morava a 700 km de casa, tive alguns problemas, entrei em depressão, foi quando resolvi adotar um bichinho, resolvi por um gato por achar que era um animal mais independente, já que eu passava boa parte do meu dia na faculdade. Assim, quando chegava em casa eu tinha um amigo que me fazia companhia, que podia desabafar, tinha de quem cuidar, tinha responsabilidade de estar bem, visto que precisava cuidar dele. Meu gato sem dúvidas me ajudou a lidar com a solidão, depressão, além de melhorar minha alergia com pêlos.

Bom, acredito que os pontos positivos de um animal em casa é maravilhoso. Claro, é preciso ter noção do aumento de gasto na casa.

O que apostar nesse verão?

Oi gente,

Hoje eu vim falar em que tendências apostar nesse verão. Tem muitas tendências das qual eu odeio e outras das qual amo, obviamente eu aposto nas que eu gosto, né? Hahaha

1) Coleira: Já estava em alta nas passarelas, lá fora, uma tendência vinda da década de 90, porém após do uso continuo dela na Atena, na novela das nove, ela ficou ainda mais popular. Adoro a coleira junto com um colar um pouco mais comprido ou com vários colares.



2) Maxi: Maxi-qualquer coisa, brinco, colar, pulseira. Porém é preciso cuidar para não colocar maxis juntos um com o outro, se não fica muito pesado o look e não cai bem, a não ser que seja um maxi-colar/ maxi-brinco com uma maxi bolsa, mas brinco e colar grandes e juntos, JAMAIS!



3) Metalizado: Assim como no verão passado, ele ta em alta, porém esse ano está mais voltado para o prateado. Uma peça metálica pode mudar totalmente seu look e dar mais estilo a ele.



4) Saia midi: Ainda não tem a sua? Então corra comprar uma! Tempos atrás elas eram aceitas apenas com salto, agora podem ser combinadas com sapatilhas e até mesmo tênis, porém é preciso tomar cuidado com as proporções do seu corpo e o se ela é grudada ao corpo ou mais solta.



5) Tênis: Só na academia? Esqueça! Ele vai com saia, vestido, calça, shorts, ou seja, com TUDO!



6) Bolsa tira bolo: Vão dar aquele visual elegante a seu look, quando elas tem franjas, ficam mais em alta ainda, dando um look casual e chique ao mesmo tempo.



7) Sandálias com plataformas: Deixam o salto mais confortável e dão um descontraída no look. INVISTA



8) Cores Claras: Essas nem preciso comentar né? São o must- have de toda coleção de verão.



9) Saltos grossos: Eles tem a cara do verão, ainda mais se tiverem algum detalhe, nesse ano, os saltos serão grossos e com algum detalhe neles, podem ser aplicações, podem ser relevos.



10) Palha transada: Em tudo, sapatos, bolsas, chapéus, vão estar em todos os lugares. São a cara do verão, em qualquer ano, mas esse ano sem dúvidas elas estão em alta. Aproveite e ABUSE.


E vocês? Vão apostar em qual tendências dessas?


Vacinando os pets

Oi geeeeente,

Quem já tem um pet sabe o quão importante é deixá-los com as vacinas em dia, para sua saúde e para saúde dos seus bichinhos!
A partir do momento em que adotamos um animalzinho ou compramos já precisamos saber que eles dão alguns gastos, temos que estar prontos e preparados para esses gastos. Um dos gastos que não podemos deixar de lado são as vacinas, porque além de prevenirem doenças neles, previne algumas doenças para nós também, por exemplo, caso seu animal não seja vacinado contra a raiva (doença séria ) ele pode te passar esse vírus, o que é bem perigoso.
Por isso, resolvi mostrar a lista de vacinas para cachorros e gatos

Cachorros:
Vacinas "obrigatórias": anti-rábica e múltipla. Opcionais: giárdia e parainfluenza.
No começo desse ano adotei um filhote de cachorro, antes que tivesse tempo de ir vaciná-lo ele contraiu parainfluenza e não resistiu, foi muito triste! Além do gasto com tratamento e internação foi maior que o preço de uma vacina.
O esquema de vacinas nos cachorros é:
- 45 dias: 1ª dose de múltipla e influenza
- 75 dias: 2ª dose de múltipla
- 120 dias: 3ª dose de múltipla e anti-rábica
Depois a anti-rábica e múltipla são dadas uma vez por ano.

Gatos:
Vacinas "obrigatórias": anti-rábica e múltipla.
O esquema de vacinas nos gatos é:
- 60 dias: 1ª dose de múltipla
- 80 dias: 2ª dose de múltipla
- 120 dias: 3ª dose de múltipla (opcional) e anti-rábica.
Depois essas vacinas são aplicadas uma vez por ano.
A 3ª dose de múltipla é recomendada para gatos que saem de dentro de casa, visto que possuem maior risco de se contaminarem com as doenças encontradas na rua, acho essencial para quem possui um gato e mora em casa, visto que o controle não é tão grande quando como o gato mora no apartamento.

É preciso tomar cuidado para não confundir as idades para vacinar, no meu caso, quando perdemos o Xico foi por achar que a primeira vacina era apenas com 60 dias, pois o último animal que eu tinha vacinado era o Mingau (meu gato), no caso do Xico (filhote de cachorro) era necessário ser vacinado aos 45 dias, essa diferença de 15 dias já fez com que ele contraísse o vírus, infelizmente. Porém, acredito que houve uma culpa do veterinário em sua morte, mas isso é um assunto para o próximo post.

Falecido Xico :(